Segunda-feira, 9 de Março de 2009

A Ré…

 

 

- Sr. Dr. Juiz, durante este julgamento, já foram apresentadas muitas provas da culpabilidade da ré.

- Dr. Machão gostaria que consubstanciasse melhor a sua acusação.

- Sr. Dr. Juiz, a ré, depois de argumentar coisas sem nexo por diversas vezes, acabou por não evitar a gravidez.

- Sim…

- Dessa gravidez, nasceu uma criança com graves problemas de saúde, o que a obrigava a faltar frequentemente ao emprego.

- Sim…

- Dessa situação de absentismo, resultou o seu despedimento do emprego, com claros prejuízos para a estabilidade financeira do agregado familiar…

- Sim…

- Agravados pela situação de saúde do filho, que obriga a dispêndios adicionais.

- Tem algo mais a apresentar?...

- Sim, a ré é também acusada de não dar a atenção devida à casa, comprovadas pela desarrumação mostrada nas fotos que se juntaram como prova, no facto de as refeições para o marido nunca mais terem sido servidas a horas.

- Mas acha que…

- Desculpe interromper Sr. Dr. Juiz, mas a ré descurou também a sua apresentação, deixou de acompanhar o marido nos eventos oficiais, deixou de poder levar o outro filho, o mais velho, à escola, principalmente quando o mais novo tem as crises de saúde!...

- Sim!...

- Incomodou os vizinhos gritando algumas vezes a meio da noite por desavenças entre o casal, levando-os a apresentar queixa na polícia…

- Sim?!...

- Perante os factos, existe consistência para a condenação.

- Dr. Machão… Mas que acusação está o senhor a fazer desta mulher?...

- Sr. Dr. Juiz, acuso-a disso mesmo!

- De ser Mulher?...

 

Nota do editor: Não concordo com a comemoração do Dia da Mulher, e poderei mais tarde justificar esta minha posição, mas tenho de fazer um tributo a todas as mulheres que no passado, hoje e no futuro, ainda irão sofrer diversas contrariedades e injustiças, apenas por serem mulheres.

 

tags:
publicado por Tretoso_Mor às 01:03
link do post | comentar esta TRETA | ver comentários (35) | favorito
Quinta-feira, 19 de Fevereiro de 2009

Diálogos #1: A contraposição Homem/Mulher.

 

 

 

O Jornal da TRETA, recebeu da Agência de Informação MOR, a gravação de uma discussão entre uma mulher e um homem.

 

Convidámos os interlocutores a prestar uma conferência de imprensa, mas ambos recusaram!...

 

 

 

MULHERES - Conduzimos melhor...

RESPOSTA DOS HOMENS - Melhor do que cegos!

 

MULHERES - não ficamos carecas...

RESPOSTA DOS HOMENS - Se o cabelo fosse bom não nascia em baixo dos braços.

 

MULHERES - Temos um dia internacional...

RESPOSTA DOS HOMENS - Os outros 364 são nossos!

 

MULHERES - Temos prioridade em botes salva-vidas...

RESPOSTA DOS HOMENS - Nós sabemos nadar!

 

MULHERES - Uma greve de sexo consegue qualquer coisa...

RESPOSTA DOS HOMENS - Inclusive um par de chifres!

 

MULHERES - A programacão da TV é 90 % voltada para nós...

RESPOSTA DOS HOMENS - Nós temos DVD (e sabemos usar)!

 

MULHERES - Somos os primeiros reféns a serem libertados...

RESPOSTA DOS HOMENS - Porque nem sequestradores vos aguentam!

 

MULHERES - A idade não atrapalha o nosso desempenho sexual...

RESPOSTA DOS HOMENS-  Mas atrapalha para arranjar um parceiro sexual!

 

MULHERES - Somos nós que somos carregadas na noite de núpcias...

RESPOSTA DOS HOMENS - Caso contrário vocês podem perder-se!

 

MULHERES - Se somos traídas, somos vítimas; se traímos, eles são cornos...

RESPOSTA DOS HOMENS- Se somos traídos elas são putas, se traímos somos garanhões!

 

MULHERES - Somos capazes de prestar atenção a várias coisas ao mesmo tempo...

RESPOSTA DOS HOMENS - Mas incapazes de executar ao menos uma completa de cada vez!

 

MULHERES - 98 % da indústria de cosméticos e 89 % da indústria da moda são voltadas para nós....

RESPOSTA DOS HOMENS - 98 % da indústria de cerveja e 89 % da indústria automobilística são voltadas para nós!

 

MULHERES - 99 % dos homens não cuidam da aparência pessoal...

RESPOSTA DOS HOMENS - 99 % da beleza feminina sai com água e sabão!

 

MULHERES - Não nos desesperamos em frente a um campo de relva com 1 bola e 22 mulheres...

RESPOSTA DOS HOMENS - Nós não nos desesperamos frente ao pedal da embraiagem!

 

MULHERES - Fazemos tudo o que um homem faz, e de salto alto!...

RESPOSTA DOS HOMENS - Quero ver mijar em pé, sem escorrer pelas pernas!

 

MULHERES - Podemos dormir com nossas amigas sem sermos chamadas lésbicas...

RESPOSTA DOS HOMENS- Podemos dormir com as suas amigas que elas não vos contam nada! Uuuhauluuuu...

 

Enfim!....

São aquelas discussões que não levam a nada, a não ser que as mulheres…

Adoram provocar os homens!...

 

publicado por Tretoso_Mor às 08:42
link do post | comentar esta TRETA | ver comentários (26) | favorito
Sexta-feira, 28 de Novembro de 2008

A importância das mulheres

 

Sei que vou entrar num tema muito polémico, mas muito se tem falado sobre a importância das mulheres na nossa vida, a dos gajos decentes, cheios de TRETA na ponta da língua, capazes de achar que fazem tudo correcto vivendo sozinhos.

 

 

Vejamos então a importância da sua presença:

 

Quando tocamos a campainha, já nos estão a dizer que temos de limpar os pés no tapete.

 

Quando nos abrem a porta, olham para o chão para poderem dar indicações sobre os movimentos correctos do sapato sobre o tapete para melhorar a eficácia.

 

Quando entramos em casa, somos alertados para pendurar o casaco no bengaleiro, mas no cabide vazio para não amarrotar os casacos delas.

 

Quando entramos nos lavabos, somos avisados para deixar tudo arrumadinho, porque o local foi tratado meia-hora antes.

 

Quando pensamos em tirar a indumentária formal do trabalho, somos avisados que aguardamos visitas formais para o jantar.

 

Quando perguntamos quem nos vem visitar, somos advertidos para o gato que morreu com a curiosidade.

 

Quando nos dirigimos para a sala, somos avisados que há muito para fazer.

 

Quando não respondemos logo, passamos a ser tratados pelos dois nomes próprios, quando os temos, sem diminutivos ou expressões carinhosas.

 

Quando entramos na sala e pegamos num dos comandos, somos repreendidos com o indicador em riste e obrigados a entrar na cozinha.

 

Quando mexemos na primeira gaveta, somos avisados que não podemos desarrumar nada.

 

Quando pegamos no frasco da farinha para o arrumar, somos avisados que ainda estamos de fato e não o podemos sujar.

 

Quando a paciência começa a esgotar-se, perguntamos quem nos vem visitar.

 

Quando elas vêem o sobrolho franzido, resolvem amuar.

 

Quando insistimos, elas resolvem dizer:

- São os meus pais!...

 

Quando pensamos em viver sozinhos, temos de nos lembrar destas coisas todas.

 

Por isso elas são tão importantes para nós!...

 

publicado por Tretoso_Mor às 10:01
link do post | comentar esta TRETA | ver comentários (52) | favorito
Segunda-feira, 24 de Novembro de 2008

As TRETAS delas!...

 

Conversa entre amigas ao telefone:

 

- Estou?... Quem fala?

- Sou eu Cusca, a Cheirinhos, não me conheces a voz?

- Ai querida, descuuuuulpa. Conseguiste regressar do teu almoço?

- Ai filha. Voltei mas nem sabes como!... uff!

- Ficaste com a voz diferente… está esquisita!..Que se passa, Cheirinhos?

-….

- Conta-me que estou curiosa. Mas conta-me tudinho hihihihi.

- Olha o gajo é um cromo!

- Então?...

- Para começar, estava à minha espera, especado numa esquina. O tipo tem assim… ar de cigano, sabes?

- AH!... Não me digas

- Depois, é mais conhecido que o Silva dos Plásticos. Aquilo é boa tarde para uma, como está para outro… Olha, em 150 metros até ao restaurante, falou aí a umas 10 pessoas.

- Olha lá, isso não estaria combinado?

- Não me parece.

- Mas ó Cusca, o pior ainda está para vir.

- Conta, conta…

- Olha, levou-me para um tasco. Aquilo era uma barulheira lá dentro que nem imaginas. Quis pirar-me logo.

- E porque não te vieste logo embora?

- Porque queria ver até onde aquilo ia dar.

- Conta, conta…

- Sugeri que comêssemos na “esplanada”. Pfff!... esplanada aquilo!... Era um passeio com cadeiras e mesas. O Gajo acabou por escolher uma mesa sozinha, encostada a uma parede, a abanar como um baloiço e a cair água de uma goteira duas varandas de cima.

- Ah!... Não me digas!... E depois?...

- Bom, depois… Depois falámos de trivialidades.

- Sim, mas de que falaram?...

- Ora, não te vou contar tudo, então?... Isso já é confidencial!

- Ai sim?, Então eu, que estou sempre disponível para ouvir o que te acontece!...

- Cusca, mas deixa-te lá de coisas e conta-me lá tu, como foi a tua saída com o Pintas?

- Essa agora!... Não conto nada! Não tenho nada que te contar a minha vida!...

 

publicado por Tretoso_Mor às 09:01
link do post | comentar esta TRETA | ver comentários (30) | favorito

.mais sobre o Tretoso_Mor

.pesquisar nesta TRETA

 

.Junho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.TRETAS recentes

. A Ré…

. Diálogos #1: A contraposi...

. A importância das mulhere...

. As TRETAS delas!...

.arquivos da TRETA

. Junho 2010

. Março 2010

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Julho 2007

. Junho 2007

.tags

. todas as tags

.links de TRETAS

.contador da TRETA

online

.Prémios

Premio Bluevelvet
blogs SAPO

.subscrever feeds

RSSPosts

RSSComentários

RSSTag mulheres