Quinta-feira, 6 de Novembro de 2008

O novo “chefe” do Tio Sam – (II)

Estou grato a todos pelo vosso contributo ao repto que lancei.

 

Para ser franco, não tenho uma opinião tão sólida quanto aquela que tinha de Bush quando este se candidatou: “Este gajo não presta, mesmo!”.

 

Em todos vós ficou patente o sentimento de mudança que Obama trouxe. E o curioso é que, tal como já li num comentário a outro Post sobre as eleições dos EUA, achei um maior entusiasmo das pessoas com quem falei sobre estas eleições, do que se verifica ultimamente em eleições em Portugal. Talvez na realidade sintamos a grande dependência que existe para com aquele País, muito embora tentemos ignorá-la.

 

Obama nunca teve um discurso “Lutheriano”. Não necessitava, pois actualmente, as clivagens racistas não são tão acentuadas, embora existam como referiram, e muito bem. Mas pelo menos, no capítulo económico denotou preocupação com o nivelamento socioeconómico de determinados estratos da população. Claro que foi logo apelidado de “Socialista”, valendo o que vale, hoje em dia, esta definição.

 

Se esta confiança politica se mantiver, certamente a confiança económica virá por arrastamento. Há no entanto, um factor preponderante que contribui para a confiança económica, complementar ao que referi anteriormente, o qual foi também referido nos comentários deixados:

 

A gestão das expectativas.

 

Obama, deixou as expectativas dos Americanos altas. Nada que não se possa gerir, mas o suficiente para que, quando tiver de tomar medidas de contenção para fazer face à crise económica, o aumento dos impostos, por exemplo, poder contar com uma barreira forte por parte da oposição e daqueles que não votaram nele.

 

No capítulo Internacional, Obama parece-me que teve maior apoio dos países, que do povo Americano. Este facto é de extrema importância para a resolução de situações de conflito e para o relançamento da economia Americana. Curiosamente, eu vejo em Obama, um excelente “promotor” dos EUA nos mercados Internacionais.

 

Enfim, eu também acredito no Senhor Obama.

 

Estou grato pelo vosso contributo.

 

Tretices apartidárias para todos.

 

publicado por Tretoso_Mor às 10:06
link do post | comentar esta TRETA | ver comentários (22) | favorito
Quarta-feira, 5 de Novembro de 2008

O novo “chefe” do Tio Sam

 

Este Senhor, Barack Obama, acabou de ser eleito Presidente dos EUA.

 

Numa fase conturbada do país, onde as questões económicas, sociais e até políticas se têm apresentado de difícil resolução, gostaria de “ouvir” a opinião de quem me lê, sobre o que será o futuro do país e, consequentemente, as implicações com os restantes países do Mundo, com esta nova realidade.

 

(Nota adicional: Sintam-se à vontade para fazerem um fórum de discussão, se assim o entenderem)

 

Aguardamos as vossas TRETAS.

 

publicado por Tretoso_Mor às 09:28
link do post | comentar esta TRETA | ver comentários (20) | favorito

.mais sobre o Tretoso_Mor

.pesquisar nesta TRETA

 

.Junho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.TRETAS recentes

. O novo “chefe” do Tio Sam...

. O novo “chefe” do Tio Sam

.arquivos da TRETA

. Junho 2010

. Março 2010

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Julho 2007

. Junho 2007

.tags

. todas as tags

.links de TRETAS

.contador da TRETA

online

.Prémios

Premio Bluevelvet
blogs SAPO

.subscrever feeds

RSSPosts

RSSComentários

RSSTag eua