Quinta-feira, 26 de Junho de 2008

Nascidos antes de 1986 (século passado)

Vou editar um texto que me foi enviado por uma pessoa amiga, mas que na verdade, faz-nos pensar um pouco sobre… as TRETAS da …. Velhice e da Segurança.

 

Nascidos antes de 1986.

 

De acordo com os reguladores e burocratas de hoje, todos nós que nascemos nos anos 60, 70 e princípios de 80, não devíamos ter sobrevivido até hoje, porque as nossas caminhas de bebé eram pintadas com cores bonitas, em tinta à base de chumbo que nós muitas vezes lambíamos e mordíamos.

Não tínhamos frascos de medicamentos com tampas "à prova de crianças", ou fechos nos armários e podíamos brincar com as panelas.

 

Quando andávamos de bicicleta, não usávamos capacetes.

 

Quando éramos pequenos viajávamos em carros sem cintos e airbags, viajar à frente era um bónus.

 

Bebíamos água da mangueira do jardim e não da garrafa e sabia bem.

 

Comíamos batatas fritas, pão com manteiga e bebíamos gasosa com açúcar, mas nunca engordávamos porque estávamos sempre a brincar lá fora.

 

Partilhávamos garrafas e copos com os amigos e nunca morremos disso.

 

Passávamos horas a fazer carrinhos de rolamentos depois andávamos a grande velocidade pelo monte abaixo, para só depois nos lembrarmos que esquecemos de montar uns travões. Depois de acabarmos num silvado aprendíamos.

 

Saíamos de casa de manhã e brincávamos o dia todo, desde que estivéssemos em casa antes de escurecer.

 

Estávamos incontactáveis e ninguém se importava com isso.

 

Não tínhamos PlayStation, X Box etc.

 

Nada de 40 canais de televisão, filmes de vídeo, home cinema, telemóveis, computadores, DVD, Internet, Hi5, MSN.

 

Tínhamos amigos - se os quiséssemos encontrar íamos à rua.

 

Jogávamos ao elástico e à barra e a bola até doía!

 

Caíamos das árvores, cortávamo-nos, e até partíamos ossos mas sempre sem processos em tribunal.

 

Havia lutas com punhos mas sem sermos processados. Batíamos ás portas de vizinhos e fugíamos e tínhamos mesmo medo de sermos apanhados.

 

Íamos a pé para casa dos amigos.

 

Acreditem ou não íamos a pé para a escola; Não esperávamos que a mamã ou o papá nos levassem.

 

Criávamos jogos com paus e bolas.

 

Se infringíssemos a lei era impensável os nossos pais nos safarem. Eles estavam do lado da lei.

 

Esta geração produziu os melhores inventores e desenrascados de sempre.

Os últimos 50 anos têm sido uma explosão de inovação e ideias novas.

Tínhamos liberdade, fracasso, sucesso e responsabilidade e aprendemos a lidar com tudo.

 

És um deles? Parabéns!

 

Esta mensagem é para todos os que tiveram a sorte de crescer como verdadeiras crianças, antes dos advogados e governos regularem as nossas vidas, "para nosso bem".

Para todos os outros que não têm idade suficiente pensei que gostassem de ler acerca de nós.

Isto, meus amigos é surpreendentemente medonho... E talvez ponha um sorriso nos vossos lábios.

A maioria dos estudantes que estão hoje nas universidades nasceu em 1986.

Chamam-se jovens.

 

Nunca ouviram 'we are the world' e uptown girl conhecem de westlife e não de Billy Joel.

 

Nunca ouviram falar de Rick Astley, Banarama ou Belinda Carlisle.

 

Para eles sempre houve uma Alemanha e um Vietname.

 

A SIDA sempre existiu.

 

Os CD's sempre existiram.

 

O Michael Jackson sempre foi branco.

 

Para eles o John Travolta sempre foi redondo e não conseguem imaginar que aquele gordo fosse um dia um deus da dança.

 

Acreditam que Missão impossível e Anjos de Charlie são filmes do ano passado.

 

Não conseguem imaginar a vida sem computadores.

 

Não acreditam que houve televisão a preto e branco.

 

Agora vamos ver se estamos a ficar velhos:

1. Entendes o que está escrito acima e sorris.

2. Precisas de dormir mais depois de uma noitada.

3. Os teus amigos estão casados ou a casar.

4. Surpreende-te ver crianças tão à vontade com computadores.

5. Abanas a cabeça ao ver adolescentes com telemóveis.

6. Lembras-te da Gabriela (a primeira vez).

7. Encontras amigos e falas dos bons velhos tempos.

8. Vais encaminhar este e-mail para outros amigos porque achas que vão gostar.

 

SIM ESTAMOS A FICAR VELHOS heheheh , mas tivemos uma infância do caraças.

 

 

publicado por Tretoso_Mor às 08:39
link do post | comentar esta TRETA | ver comentários (4) | favorito
Quinta-feira, 19 de Junho de 2008

Inspiração da TRETA

Hoje estou sem inspiração.

 

Vou deixar aqui apenas uma pergunta sobre um assunto que me tem deixado a pensar...

 

Será que o James Blog, esse famoso elemento da Intelligence da Ria, é um espião à séria, ou é apenas um acompanhante de ladies?...

 

Tretoso Mor

publicado por Tretoso_Mor às 15:03
link do post | comentar esta TRETA | ver comentários (3) | favorito
Terça-feira, 17 de Junho de 2008

Início dos Exames.

A minha filha mais velha começa hoje com os exames do 12º ano e logo com a prova de Português.

 

Espero que a cachopa não se esqueça que vai estar a redigir numa folha de teste, e não no telemóvel!...

 

Temo que se esqueça e escreva expressões complicadas, as quais só serão compreendidas por professores da geração phone.

 

Bom, tenhamos esperança!

 

“Boa xorte filhota”

 

tags:
publicado por Tretoso_Mor às 11:43
link do post | comentar esta TRETA | ver comentários (2) | favorito

Estão a faltar médicos no interior do País!

Faltam médicos no interior do nosso País, não porque a população tenha aumentado, sem o correspondente aumento do número de médicos, mas porque os médicos estão a dar em debandada!...

 

Pois é!... Havia um número considerável de médicos espanhóis que garantiam a cobertura das necessidades básicas de médicos no sistema nacional de Saúde, quer no Norte, quer no Centro, quer no Algarve.

 

Simplesmente estes senhores, vieram para Portugal, por um de dois motivos. Ou porque não tinham colocação em Espanha, ou porque queriam fazer a especialidade.

 

Como nestas TRETAS, nós portugueses somos benevolentes e gostamos de facilitar os outros, nunca garantimos as condições mínimas para que todo o tipo de investimento efectuado, possa ser protegido, no médio prazo.

Ou seja, assim que em Espanha abrem vagas, lá estão os senhores a candidatar-se ao regresso à sua terra. Assim que terminam a especialidade, piram-se daqui para fora.

 

Bom, mas poderemos pensar que esta situação até é favorável aos cerca de 1400 estudantes de medicina, que nos próximos 3 ou 4 anos estarão licenciados e poderão ocupar essas vagas!.. (opinião do senhor Bastonário da Ordem dos Médicos).

 

Estamos entretanto perante duas questões:

1ª – Durante este período, quem vai garantir as faltas que já se verificam e as que se irão agudizar neste prazo?

2ª – Os senhores Doutores, na grande maioria, terminado o curso, não estão na disposição de ir trabalhar para a província.

 

Ah!... Não esqueçamos que o sector privado da saúde está a contratar cada vez mais recursos, “desviando-os” maioritariamente do sector público!

 

Mais uma TRETA mal explicada!

 

 

publicado por Tretoso_Mor às 09:58
link do post | comentar esta TRETA | ver comentários (2) | favorito
Quinta-feira, 12 de Junho de 2008

Acabou a TRETA dos piquetes de greve!

Finalmente terminou a saga dos piquetes dos camionistas.

 

Acho muita piada quando vejo os grevistas, invocando descriminação, insurgirem-se contra as entidades patronais, sejam públicas ou privadas, quando estas pedem a lista das presenças no trabalho em dias de greve.

 

TRETAS, meus senhores!...

 

Claro que têm de as pedir, para saber quem fez greve, pois como os sabem, são descontados os dias de ausência por esse motivo.

 

Continuo a rir-me quando aparece um conjunto de empresários, à revelia da associação a que aderiram, a propor uma “greve” com as seguintes condições:

1 – Aos camionistas, seriam descontados os dias de greve;

2 – Todos os transportadores são obrigados a fazer greve;

3 – Depois de carregados os camiões, muitos com produtos alimentares perecíveis, poderão parar as viaturas.

 

Começam a estar todos loucos!....

 

Felizmente, alguém acordou a tempo e explicou que a greve não era dos camionistas, mas das transportadoras.

Ainda gostaria de saber se no fim do mês, os camionistas vão receber o ordenado por inteiro, mais as horas extraordinárias provocadas pela paragem, tendo-os obrigado a permanecer junto das viaturas para garantir a carga.

 

Mas há duas TRETAS que ainda ninguém explicou:

1 – Quem vai agora indemnizar os empresários que viram os seus produtos deteriorar-se por causa desta iniciativa?

2 – Onde está afinal a nossa liberdade, quando OBRIGAM os outros a parar, danificando as viaturas quando não obedecem? (porque isto para mim, não foi greve nenhuma)

 

Este acontecimento só revela que vivemos num país da TRETA, onde a liberdade só serve para as conveniências individuais, ou de grupos restritos.

 

Deixem-se de TRETAS e cheguem-se à frente, para dizer como vão ressarcir quem saiu prejudicado desta contenda.

Ah!... Já agora, os senhores transportadores, até nem conseguiram aquilo que queriam!..

 

O pano de fundo era o gasóleo profissional!

 

 

publicado por Tretoso_Mor às 11:01
link do post | comentar esta TRETA | ver comentários (3) | favorito
Quarta-feira, 11 de Junho de 2008

A TRETA do Dia da Raça!!!!....

O Sr. Presidente da República comemorou oficialmente no dia 10 de Junho, como o Dia da Raça!...

 

Não sei de que raça serei eu, moreno, olhos escuros, mas nascido em Portugal, tal como as minhas 10 gerações anteriores, pelo menos, quer maternas quer paternas. Assim como não sei de que raça será um dos meus colegas de trabalho, loiro, de olhos azuis, também ele nascido em Portugal, tal como 5 gerações de antepassados!...

 

Começo a ficar preocupado com estas expressões, surgidas durante o Estado Novo, exultando o Nacionalismo!...

 

De repente, imaginei o Sr. Presidente a assistir a um qualquer jogo da nossa selecção em terras Helvéticas, de braço em riste e palma da mão para baixo, cantando o hino Nacional!..

 

Deixem-se de TRETAS, e comecem é a preocupar-se com as expressões de violência usadas frequentemente, nas ruas, no trabalho, na internet e até na política!....

 

Deixem-se de TRETAS e defendam o nosso país e quem por ele trabalha e o dignifica, para evitarmos as situações extremas de protesto e conflito, com o preço da vida humana.

 

Parece-me estarmos a entrar na TRETA da saga dos corta-fitas, sem pensar no que se diz ou faz!

 

 

publicado por Tretoso_Mor às 09:45
link do post | comentar esta TRETA | ver comentários (5) | favorito
Segunda-feira, 9 de Junho de 2008

A TRETA dos telemóveis nas mãos dos meninos

Faz hoje anos a minha filha mais nova.

 

No sábado, resolvi comprar-lhe um telemóvel novo, pois o que ela tem já estava bastante usado, e era um aparelho muito rudimentar. Só dava mesmo para fazer e receber chamadas, mensagens e suporta uma lista telefónica reduzida.

 

Entendendo eu que a garota merecia agora uma “coisita” melhor, até porque os resultados escolares foram bons, resolvi comprar-lhe um telemóvel com mais funções.

 

Ontem à noite, no entanto, quando me preparava para passar o serão com ela, verifico que sua excelência, estava a enviar e a receber mensagens a uma sequência avassaladora, não dando atenção a mais ninguém. Nem imaginam a velocidade a que tecla para redigir os SMSs.

 

Passei-me!...

Zanguei-me com ela, e com a alienação provocada pelo telelé, e naquele momento, arrependi-me mil vezes da prenda de aniversário que lhe ia oferecer dali por alguns minutos (depois da meia-noite).

 

No fim de tudo, ainda acabo por ser eu a contribuir para uma situação da TRETA que reprovo totalmente.

 

Mas garanto uma cosia, veremos o que vai acontecer ao telemóvel, se uma situação idêntica voltar a acontecer.

 

publicado por Tretoso_Mor às 09:18
link do post | comentar esta TRETA | ver comentários (2) | favorito
Quinta-feira, 5 de Junho de 2008

A TRETA dos serviços de atendimento da ZON

Ontem tive um problema com a ligação à internet no meu escritório.

 

Aquelas TRETAS que acontecem com frequência aos comuns mortais, mas que os técnicos acabam por identificar a origem do problema como estando sempre entre a cadeira e o teclado! …

 

Depois de várias tentativas infrutíferas para solucionar o problema, de acordo com as indicações anteriores da ZON, o nosso operador, acabei por ligar para os serviços de apoio técnico.

 

Telefonei para o número que estava indicado na minha factura, como o número para o apoio técnico.

 

Fui parar a um callcenter, digitei a opção de avarias.

Esperei…

Atende-me uma senhora que me perguntou quem eu era, de onde falava, qual o meu número de cliente, pediu-me o motivo do telefonema e que lhe relatasse a avaria.

 

Depois de ter respondido a tudo, disse-me a senhora que tinha ligado para o número de apoio a clientes Particulares. Para a próxima, teria de ligar para outro número que me indicou no momento.

Entretanto, prestou-se para transferir a chamada para o atendimento a Empresas.

 

Esperei algum tempo pela operadora….

Quando me atendeu, sabia o meu nome mas pediu-me tudo o que já tinha relatado à primeira senhora.

 

Expliquei-lhe tudo novamente!...

Responde-me a senhora que, este era um problema técnico e teria de transferir a chamada para as avarias.

 

Transferiu-me a chamada.

Esperei mais algum tempo! …

Atende-me outro operador a quem tive de identificar tudo o que já tinha dito anteriormente, excepto o meu nome.

 

Pediu-me para fazer os testes que eu já tinha realizado duas vezes antes de lhes ligar.

Disse-lhe que já tinha feito tudo isso 2 vezes, mas aconselhou-me a fazê-lo novamente.

Obedeci, pouco crente nos resultados a obter, e muito menos nas sugestões que me poderia dar.

Não obtive melhorias.

 

Eis senão quando, ele me diz que eu teria de ligar para um número externo à ZON para falar com uma empresa externa, parceira da ZON, que faz o apoio técnico a esta conta.

 

Bom, passei-me! ...

Então depois de estar quase meia hora ao telefone, ainda tinha de ser eu a ligar para um número externo?...

 

Bom, eu trabalho para uma empresa de Consultoria, e posso ajudar a ZON a melhorar o atendimento!!!...

 

Claro que não vou aqui referir onde e como podem melhorar, pois se quiseres, paguem, que eu também vos pago!...

 

Agora quero que fique registado que o atendimento da ZON para o apoio técnico é uma TRETA e uma vergonha.

 

publicado por Tretoso_Mor às 11:05
link do post | comentar esta TRETA | ver comentários (1) | favorito
Quarta-feira, 4 de Junho de 2008

A verdade é como o azeite, vem sempre ao cimo!

Finalmente, começa a ter repercussão internacional as TRETAS que o Sr. Pinto da Costa andou a fazer durante anos!...

 

E quando estamos perante organismos idóneos, há condenações, e não se demora 4 (quatro) anos a chegar a essa conclusão. Agem logo!...

 

Finalmente!....

 

Punam de vez as TRETAS!

Exerçam as punições atempadamente!...

 

Tenham coragem para punir severamente.

 

publicado por Tretoso_Mor às 18:05
link do post | comentar esta TRETA | favorito

.mais sobre o Tretoso_Mor

.pesquisar nesta TRETA

 

.Junho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.TRETAS recentes

. Um dia especial para a Tr...

. Tretas Breves

. Arruda tem magia

. Ausência

. Tretas Breves

. Promiscuidades

. O Mistério do dinheiro su...

. Eleições

. Tretas Breves

. Que confusão!

.arquivos da TRETA

. Junho 2010

. Março 2010

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Julho 2007

. Junho 2007

.tags

. todas as tags

.links de TRETAS

.contador da TRETA

online

.Prémios

Premio Bluevelvet
blogs SAPO

.subscrever feeds

RSSPosts

RSSComentários